domingo, 6 de janeiro de 2013


9/6/2012

Galopa livre
Não conhece fronteiras
E em sua mente sã 
Ignora barreiras 
Em deslumbrante beleza
Sob os últimos raios de sol
Baila uma dança
Elegante e imponente
O Xai avança.

Sem comentários: