domingo, 6 de janeiro de 2013


11/6/2012

Sob céu anilado 
Num voo alvoraçado
Pairam rasteiramente
Num chilrear estridente
Inquietas infatigáveis  criaturas
Desenham na areia 
Formosas  pinturas

Sem comentários: