terça-feira, 24 de janeiro de 2012

16/1/2012

Do alto vos vejo, neste azul imenso
Agarro a boleia do vento
Solto um doce e melodioso suspiro
E sinto a vera felicidade
 

Sem comentários: