quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

25/1/2012

Na tepidez de um final de tarde
Sinto a carícia de uma brisa suave
Rendo-me á magia do momento e me sento
Confiando ás letras meu estado de alma
Perdida entre pensamentos divergentes
Inriquieta mas consciente
Sigo o caminho que se diz coerente
E assim confiante e de alma lavada
Sigo determinada a minha estrada
 

1 comentário:

Dulce B. disse...

bela despedida para um dia q termina, parabens.