quinta-feira, 10 de janeiro de 2013


14/10/2012

Vou de coração liberto e sem temores
Fantasiar uma jornada sem dores
Dispersa, alucinada, liberta, fascinada
Povoarei ilhas isentas de dissabores

Sem comentários: