quarta-feira, 9 de janeiro de 2013


25/8/2012

Meu doce menino...
Meu formoso homem
Na tua extrema fragilidade
Conheci a felicidade
No teu jeito doce de ser
Conheci o carinho
És minha estrelinha brilhante
Que ilumina meu olhar
Vem meu filho, vem me abraçar
Hoje é hora de festejar...

Sem comentários: