segunda-feira, 7 de janeiro de 2013


29/6/2012

Ao meu redor o mundo é um deserto
E numa lágrima cristalizada
Por mim derramada
Uma sombra de mim permanece
E entre o meu eu e o mundo
Ingrato e malfadado
Subitamente como passo de mágica
A mágoa desaparece

Sem comentários: